Você já ouviu falar do Lets.events? Sabe o que fazemos e quem são nossos fundadores? Conhece o HackTown e sabe como surgiu essa parceria de sucesso?
Nós somos uma startup brasileira e te convido a conhecer nossa história e como um problema se tornou uma oportunidade.


Hoje em dia, vivemos em uma era empreendedora, onde cada vez mais jovens desejam abrir seu próprio negócio por várias razões, como: a falta de oportunidades de emprego, a exploração de novos nichos de mercado ou mesmo porque não querem trabalhar para uma empresa.


Primeiramente, qual a diferença entre um empreendedor e um fundador de startup?


“Um empreendedor é um indivíduo que procura por oportunidades e cria maneiras de tornar um negócio lucrativo. Procuram estabelecer um empreendimento viável, não um que tenha uma vaga esperança de sucesso. Por outro lado, um fundador de startup cria um negócio cujo principal objetivo é a inovação, não tendo um motivo financeiro como principal. Um fundador de startup cria um produto ou serviço para mudar o mundo.”  


Como surgiu a ideia de fundar uma startup?


Aos 22 anos, André Araújo, fundador do Lets.events, decidiu abrir um bar com um amigo. O negócio cresceu rapidamente e se tornou uma famosa casa noturna em Belo Horizonte, porém, a falta de experiência fez com que fosse necessário fechá-la. Assim, André passou os anos seguintes trabalhando com planejamento de eventos e promovendo um grupo musical em bares e casas de shows.


No começo dos anos 2000, André, agora com mais experiência em eventos, decidiu associar-se com amigos para abrir uma casa noturna chamada Utópica Marcenaria. A casa teve grande sucesso e funciona até hoje. Nos primeiros anos, André e seus sócios perceberam que, para manter este sucesso, seria necessário o uso de diferentes estratégias de marketing para fidelizar e adquirir novos clientes, tendo em vista que esse tipo de negócio geralmente tem uma curta duração.


Como começou o uso de listas de convidados


Um importante e decisivo fator que contribuiu para a popularidade da Utópica Marcenaria foi a implementação de listas de convidados. Estas listas eram disponibilizadas para clientes por diversos motivos: festas de aniversário, festas privadas, acesso VIP, etc. Assim, as listas garantiam benefícios exclusivos aos participantes, como desconto na entrada ou direito a uma bebida grátis até um certo horário. O objetivo desta estratégia era de encher a casa rapidamente, aumentando o volume de clientes. Desse modo, o negócio começou a crescer exponencialmente.

Apesar da estratégia bem sucedida, surgiram alguns problemas no caminho. Gerenciar listas no papel acabou se tornando uma tarefa complicada para a equipe de recepção: eles tinham uma pasta cheia de listas. Os clientes passaram a esperar muito tempo para conferir se seus nomes estavam na lista e fazer o check-in. Além disso, muitos clientes enviavam várias listas por e-mail para o mesmo evento quando precisavam trocar os nomes de convidados. Situações como estas criavam confusão e desperdício de tempo, forçando os proprietários a encontrar uma solução.


Como começou o Lets.events


Surgiu, então, a ideia de criar um tipo de ferramenta onde seria possível administrar várias listas ao mesmo tempo em um só lugar, para economizar tempo, evitar confusões e não desperdiçar papel. Para seguir com a ideia, André precisava encontrar experts em desenvolvimento de software. Foi aí que ele conheceu os desenvolvedores Guilherme Marques e Samuel Brandão, e, juntos, os três começaram a desenvolver uma plataforma que permitiria adicionar e gerenciar participantes em listas, bem como fazer o check-in no local do evento.


Graças a esse projeto, a startup Lets.events foi fundada com o principal propósito de ajudar donos de casas noturnas a otimizar a gestão de participantes.


CASE HackTown


Com a plataforma já finalizada, os fundadores do Lets viram a oportunidade de trabalhar com o HackTown - um evento de tecnologia e inovação que acontece em Santa Rita do Sapucaí/MG e que é inspirado no festival norte americano South by Southwest. O evento dura de 3 a 4 dias e conta com diversas atividades, que vão desde conferências, debates e workshops a concertos musicais. O festival tem como propósito promover a interação e o compartilhamento de ideias do público, estimulando a criação de projetos inovadores para o futuro. O evento acontece há 4 anos e tem sido um sucesso.


No ano de 2017, o HackTown tinha a expectativa de receber 2500 participantes - mil pessoas a mais que em 2016. Para atender às demandas do público, os organizadores do festival tiveram que aumentar o número de conferências, muitas das quais aconteciam simultaneamente. Assim, era necessário controlar o acesso das pessoas a cada evento, precisando de uma ferramenta que fizesse a otimização do processo de check-in e que transmitisse as informações em tempo real. André, então, apresentou o sistema de gestão de listas de convidados do Lets como uma possível solução para o problema. Além disso, propôs uma adaptação na plataforma para realizar as vendas de ingressos online para o evento. Era um projeto arriscado por conta do curto prazo para o início das vendas. Porém, os organizadores do HackTown confiaram no trabalho do Lets e o projeto foi aceito.


O sistema passou por vários testes antes da implementação para o festival - que também passou por mudanças e teria a necessidade de atrelar o check-in a pulseiras de identificação ao invés do uso de listas. Isso não impediu o desenvolvimento da plataforma e nem o sucesso do HackTown: as vendas aconteceram e o evento foi um sucesso, somando mais de 2.000 participações.


Assim, após o sucesso do HackTown 2017, o Lets.events passou por uma mudança no seu modelo de negócio. Foi adicionada permanentemente a função de venda de ingressos online para todos os tipos de evento. O objetivo principal da plataforma é oferecer soluções eficientes para o gerenciamento de listas de convidados e venda de ingressos online, visando otimizar custos e economizar tempo de organizadores de eventos de qualquer tamanho.


A parceria foi mantida para 2018 e o Lets continua como a plataforma oficial do evento, que terá mais de 300 atrações entre os dias 6 e 9 de Setembro deste ano.


Se você gostou do artigo e está interessado em saber mais sobre os nossos serviços, visite o nosso site ou fale com um de nossos especialistas clicando aqui.