Você já ouviu falar sobre um Beacon e não teve certeza do que se trata? Abaixo, iremos explicar o que é e como ele pode agregar valor ao seu evento de diferentes maneiras.


O que é um Beacon?

O termo surgiu, inicialmente, com o lançamento da tecnologia iBeacon pela Apple em 2013. O nome “Beacon” é dado a um aparelho transmissor que identifica e localiza dispositivos próximos via Bluetooth — ideal para ambientes fechados, podendo localizar smartphones com precisão maior que um sistema de GPS, por exemplo.

O iBeacon é um software que permite que esses transmissores alertem um site ou um app sempre que um dispositivo se aproximar da sua localização. Assim, essa tecnologia se torna uma excelente aliada para eventos graças à sua capacidade de enviar notificações personalizadas para os participantes que estiverem próximos a um Beacon.


Como posso utilizar o Beacon em eventos?

Existem empresas que desenvolvem aplicativos personalizados para eventos e apoiam o uso de Beacons para maior interatividade. As pessoas que fizerem download do app e estiverem com o Bluetooth ligado receberão as mensagens enviadas pelos transmissores.

Por isso os Beacons são uma excelente maneira de engajar os participantes em um evento, através de várias estratégias diferentes. Entenda:

Gamification

O Gamification é uma técnica conhecida para enriquecer a experiência dos usuários em diversos contextos. Em eventos, os convidados poderão receber perguntas, sugestões e informações de Beacons de acordo com a sua localização. Assim, é possível utilizar os Beacons para encorajar os participantes a visitarem diversos locais do evento, gerando recompensas e até mesmo criando competições — como esta caça ao tesouro realizada no Consumer Electronics Show, em 2014, por exemplo.

Informações em tempo real

Já sabemos que um Beacon pode ser utilizado para entregar informações valiosas aos participantes. Assim, em eventos como congressos, seminários e conferências, uma boa utilização da tecnologia é o envio de notificações em tempo real, como: avisar que uma palestra irá começar em breve, informar mudanças na programação, dentre outros. Esta é uma forma de garantir que as pessoas aproveitem o evento ao máximo e é, também, um bom auxílio para a organização do staff do evento.

Anúncios

Quando as pessoas recebem informações diretamente em seus smartphones, elas estão sujeitas a ofertas. Os Beacons podem exercer papel fundamental nessa estratégia ao ser utilizado para anunciar produtos ou serviços disponíveis no evento, baseado na localização do participante. Além disso, também é interessante para patrocinadores do evento promoverem ações de marketing e branding.

Outra importante utilização dos Beacons é em casos de eventos maiores. Uma boa distribuição dos transmissores no espaço, aliada a um mapa do evento, facilita a orientação dos participantes e as notificações podem servir para enviar direções para as atrações principais do evento ou para informar o que está disponível nas proximidades. Porém, essa utilidade não se restringe somente aos convidados: o produtor pode receber informações de áreas com alto volume de pessoas e remanejar recursos para atender às demandas com mais assertividade.  

Quanto mais pensamos sobre o assunto, mais oportunidades de utilização dos Beacons vêm à mente. A ferramenta, se trabalhada com cuidado, pode enriquecer muito a experiência de seus convidados nos eventos. No entanto, é importante que a estratégia seja bem planejada para que as notificações não se tornem um incômodo e façam com que o participante retire as permissões do iBeacon.

Você curte tecnologias que podem simplificar o seu evento? Então clique aqui e conheça o Lets.events, a plataforma ideal para a gestão dos seus convidados.